Arquivo mensal: outubro 2012

Governo fecha parceria para produção de medicamentos de vacinas

Filipe Matoso

O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, anunciou nesta quarta-feira (31) 20 parceiras entre a pasta e os ministérios de Ciência e Tecnologia e Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior para a produção de medicamentos de vacinas. Os acordos vão gerar, segundo Padilha, uma economia estimada em R$ 1 bilhão.

Até a próxima!

Anúncios

Pedro Taques critica CPI do Cachoeira

Filipe Matoso

 A CPI do Cachoeira aprovou o adiamento da votação dos 533 requerimentos que estavam na pauta desta quarta-feira (31).

 “Esta CPI está descendo ladeira abaixo. Vamos quebrar o sigilos das empresas fantasmas ligadas a Delta? Se não, podemos encerrar essa Comissão”, disse o senador Pedro Taques (PDT).

 “A CPI está jogando esta podridão para debaixo do tapete”, completou.

 A próxima reunião da comissão será na próxima semana.

Até a próxima!

Venezuela no Mercosul

Filipe Matoso

O ministro das Relações Exteriores, Antonio Patriota, embarca nesta quinta-feira (1º) para a Venezuela e vai discutir com o vice-presidente executivo do país, Nicolás Maduro, a entrada do país vizinho ao Mercosul. Além disso, eles vão tratar o comércio e a cooperação bilateral.

Segundo informou o Itamaraty, Brasil e Venezuela possuem uma “importante” agenda de cooperação nas áreas da saúde, agricultura e educação. A Embrapa, Caixa Econômica e o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA) possuem escritórios em Caracas.

A Venezuela é considerada uma das principais parcerias comerciais do Brasil na Amércia do Sul. Em 2011, segundo o Itamaraty, o intercâmbio comercial registrou o volume de US$ 5,86 bilhões.

Com a entrada da Venezuela no Mercosul, o bloco passou a contar com uma população de 270 milhões de habitantes e PIB de US$ 3,3 trilhões.

Até a próxima!

INSS tem déficit superior a R$ 11 bilhões em setembro

Filipe Matoso

O déficit da Previdência Social chegou a R$ 11,1 bilhões em setembro. Na comparação com o mês de agosto, a alta foi de 123,9%, quando a soma ficou em R$ 5 bilhões.

Em relação a setembro do ano passado, o aumento foi de 12,7%. No total, o governo pagou R$ 32,7 bilhões em benefícios, mas a arrecadação ficou em R$ 21,6 bilhões.

No acumulado do ano, o déficit do INSS chega a R$ 39,8 bilhões, o que representa um aumento de 6,6% na comparação com o mesmo período de 2011.

Até a próxima!

Consumidor está mais confiante na economia brasileira

Filipe Matoso

Os brasileiros estão mais confiantes na economia do país, de acordo com uma pesquisa divulgada nesta quarta-feira (31) pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). O Índice de Expectativa do Consumidor (INEC), segundo a CNI, atingiu o maior patamar desde janeiro do ano passado. Na comparação entre os meses de outubro e setembro deste ano, o INEC subiu 2,8% e atingiu 116,4 pontos.

“Os brasileiros acreditam na recuperação da economia. Por isso, esperam que os preços e o desemprego não aumentem nos próximos meses”, avalia o economista da CNI Marcelo Azevedo.

Ainda segundo a pesquisa, o índice apresenta otimismo do consumidor em relação à manutenção do atual emprego. Além disso, o brasileiro acredita que não deve se endividar nos próximos seis meses. “Isso reflete tanto uma queda do percentual de entrevistados que afirmou ter aumentado seu endividamento na comparação com os últimos três meses como um aumento da percepção de queda no endividamento”, destaca o estudo.

E o consumidor está confiante quanto à inflação nos próximos seis meses.

Até a próxima!

Ayres Britto confirma fax em nome de Marcos Valério

Filipe Matoso

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Carlos Ayres Britto, confirmou nesta quarta-feira (30) que a Corte recebeu um documento, enviado via fax, em nome de Marcos Valério. O publicitário é réu no julgamento do mensalão e apontado como principal articulador do esquema de pagamento de propina a políticos.

“Chegou um fax, que não posso dizer o conteúdo porque está sob sigilo, mas que é hiperlacônico”, disse o ministro. Conforme reportagem do “G1”, o réu oferece delação premiada à Justiça.

De acordo com Ayres Britto, mesmo que Valério tenha mais informações sobre o assunto, isso não deve influenciar o julgamento, que já está na fase final. Porém, segundo ele, o relator, ministro Joaquim Barbosa, pode definir o que fazer com novos dados que eventualmente chegarem ao STF.

Com informações da “Agência Brasil”

Até a próxima!

PSDB também aprova rendimento nas eleições municipais

Filipe Matoso

Rodrigo de Castro/ foto: site do PSDB

Rodrigo de Castro/ foto: site do PSDB

O secretário-geral do PSDB, deputado Rodrigo de Castro, disse nesta segunda-feira (29) em nota que o desempenho da legenda “mostrou a força do partido” nas eleições municipais deste ano.

Também nesta segunda, o presidente do PSB, Eduardo Campos, disse que aprovou as vitórias da legenda no domingo (28).

Ao todo, segundo levantamento do partido, foram eleitos 701 prefeitos. Castro destacou a vitória tucana em capitais importantes do Norte e do Nordeste como Manaus (AM), com Artur Virgílio – uma derrota pessoal da Lula, Belém (PA) e Teresina (PI).

“Assistimos a vitórias importantes nesse segundo turno, mostrando uma entrada do partido nas regiões Norte e Nordeste. Isso mostra que o PSDB está no rumo certo, tem força para sensibilizar os brasileiros e apresentar uma nova proposta ao país muito mais moderna, com mais vantagens para a população e com ética”, disse o secretário-geral do PSDB na nota.

O líder do PSDB na Câmara, deputado Bruno Araújo (PE), também comentou o resultado do partido nas urnas. “Temos de comemorar os resultados nas regiões Norte e Nordeste, onde tivemos um crescimento e nos fortalecemos em relação às eleições anteriores”, afirmou.

Os dois parlamentares não comentaram a derrota de José Serra para Fernando Haddad (PT) em São Paulo. Nesta segunda, o prefeito eleito da capital paulista esteve com a presidente Dilma Rousseff no Palácio do Planalto, em Brasília.

Até a próxima!

Eduardo Campos aprova desempenho do PSB no segundo turno

Filipe Matoso

O presidente nacional do PSB, Eduardo Campos, aprovou o desempenho do partido no segundo turno das eleições municipais deste ano. Um dos nomes de mais destaque no primeiro turno, Campos disse nesta segunda-feira (29) em Recife que a responsabilidade da sigla aumentou.

“Um resultado muito bom. Ganhamos prefeituras importantes no Centro Oeste e no Sudeste. Somos agora um partido reconhecido pela confiança de brasileiros de todas as regiões do país”, disse.

Eduardo Campos acompanhou as eleições e a apuração em casa, segundo o partido, acompanhado pela família, do prefeito eleito de Recife Geraldo Júlio, amigos e assessores.

Para Eduardo Campos, o PSB “manteve” a tendência de crescimento nas eleições, ao conseguir eleger prefeitos em mais três capitais (Fortaleza, Cuiabá e Porto Velho). No primeiro turno, Recife e Belo Horizonte escolheram candidatos da legenda.

Em todo o país, segundo levantamento do partido, 442 candidatos do PSB foram eleitos prefeitos.

“Isso aumenta a nossa responsabilidade. Não queremos simplesmente ganhar eleições. Queremos que as cidades que elegeram nossos candidatos sejam as verdadeiras vencedoras. Já somos o partido cujos candidatos tiveram mais êxitos ao tentar a reeleição. E vamos trabalhar duro para continuar assim”, disse o presidente da legenda.

Até a próxima!

Haddad se encontra com presidente Dilma em Brasília

Filipe Matoso

Haddad e Dilma/ foto: Roberto Stuckert Flho - PR

Haddad e Dilma/ foto: Roberto Stuckert Flho – PR

O prefeito eleito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), se encontrou nesta segunda-feira (29) com a presidente Dilma Rousseff no Palácio do Planalto, em Brasília.

Ele afirmou que o encontrou serviu para, além de agradecer o apoio da presidente, estabelecer uma rotina de trabalho. O prefeito eleito ressaltou a importância de se criar um grupo de trabalho o quanto antes para iniciar a discussão sobre as parcerias que foram anunciadas no plano de governo apresentado durante a campanha,.

Até a próxima!

Vinte e cinco deputados são eleitos prefeitos neste ano

Filipe Matoso

Um ano e dez meses após assumirem os mandatos, dez dos 18 deputados federais que disputaram as eleições municipais no segundo turno foram eleitos prefeitos, segundo levantamento da Câmara. Ao todo, 25 saíram das urnas vitoriosos em 2012.

Neste ano, 87 deputados se lançaram às urnas (81 candidatos a prefeito e seis a vice-prefeito). Em 2008, foram 93 candidatos e 18 eleitos.

Os parlamentares eleitos prefeitos assumem o novo cargo em 1º de janeiro de 2013, quando serão substituídos por suplentes eleitos pela coligação.

Até a próxima!